Arquivo da tag: dentinhos

Os primeiros dentinhos

Quando a Mariana estava com 04 meses, começou a ficar extremamente irritada, a primeira coisa que imaginei é que eram os dentinhos. Mas não eram eles não, era só a “bebelescência” mesmo. Aos 6 meses, idade que geralmente surgem os primeiros dentes, Mariana não tinha nem gengiva inchada. E então numa bela manhã de novembro, após uma risada gostosa, reparei que tinha uma coisinha diferente naquela boca, RS. O primeiro dentinho tinha apontado, uma semana depois o segundo.

Mariana não teve nenhuma reação como febre, diarreia ou irritação. O terceiro e quarto dentinho, também fora super tranquilos e sem sofrimentos (pelo menos demonstrado). Já para o 5° e 6° senti um pouco mais de nervosismo por parte dela, ficou mais impaciente e veio acompanhado de uma diarreia, não tão forte, mas até então anormal para seus padrões. Para os últimos a conversa foi bem diferente, teve nervosismo, irritação, grude no peito, choro na madrugada, até que resolveram apontar.

Tem aproximadamente uns 4 meses que não aparecem mais dentinhos, o que é normal. Ultimamente tenho reparado a gengiva bem inchada e esbranquiçada, sinal de quem vem coisa nova naquela boquinha. E posso falar que essa fase tem sido bastante complicada e muito extensa, sei que a primeira infância passa rápido, mas na fase da dentição, cada dia é uma vitória por aqui. Enfrentamos isso com muito amor e pomada RS. Pozinho com Matricaria, chá de camomila e picolé de frutas (natural, feito por mim no meu momento Ana Maria Braga) também são aliados, mas nem sempre surtem efeito milagroso.

 

Sempre li muito a respeito da fase dá dentição e o que pude perceber é que a criança precisa de amor triplicado, se é que é possível, já que é um amor que não cabe no peito. Além disso, a higienização é uma rotina que acontecia desde os primórdios. Assim que ela começou a coçar a gengiva, compramos aquelas escovinhas de dedo e diariamente fazia a escovação apenas com água. Com o surgimento dos primeiros danados comecei a usar pasta de dente, recomendado pela pediatra. Hoje temos rotina igual de adulto, no mínimo quando acorda, após o almoço e antes de dormir rola escovação. Confesso que agora está mais complicado, ela quer fazer a higienização sozinha e claro que não sai como necessário. Ah, e já teve visita ao dentista e está tudo certo. Sei que esse é um longo caminho, muito doloroso para a criança e precisa ser encarado com muita paciência pelos pais. Assim que surgirem novidades conto por aqui!

 

Raíssa Abrão por Raíssa Abraão